A dor crônica — aquela que dura mais do que 3 meses — atinge cerca de 37% dos brasileiros, de acordo com dados divulgados pela Sociedade Brasileira para Estudo da Dor (SBED). Por isso, empregar algumas dicas de fisioterapia em casa pode ser uma maneira eficaz de lidar com o problema.

Muitas pessoas apontam o Home Office como um divisor de água da piora de dores nas costas e problemas na coluna, não só ele, mas passar muitas horas sentado em uma cadeira, no sofá e até em pé podem ser um risco.  Passar várias horas na mesma posição, em um ambiente de trabalho improvisado, na maioria das vezes, pode acarretar lesões no corpo, ou até agravar as existentes. Um estudo, conduzido por pesquisadores italianos, publicado no International Journal of Environmental Research and Public Health mostrou que 23,5% das pessoas que estavam em trabalho remoto queixavam-se de dores cervicais e 41% de dores lombares.

“Uma postura incorreta, durante um longo tempo ao decorrer do dia pode comprometer as estruturas e favorecer a dor e o desconforto provenientes de uma possível hérnia de disco, juntamente também podemos sentir dores nas pernas, já que a musculatura e articulação permanecem dobradas por muito tempo. Uma postura correta é capaz de evitar o estresse muscular e articular, auxiliando na prevenção dessas dores e alterações posturais. ”, explica a fisioterapeuta Raquel Silvério.

Abaixo, Silvério traz algumas dicas de como aliviar esse desconforto em casa. Confira!

Foto: Divulgação Freepik

1. Cuide dos joelhos: 

As dores nos joelhos são bastante comuns após passar um período sentado. Isso se deve ao fato de que as estruturas ficam comprimidas. Um dos exercícios para essa área envolve sentar-se na borda de uma cadeira ou da cama e deslizar os pés para frente e para trás com o intuito de esticar bem os joelhos e dobrar repetidas vezes para lubrificar essa articulação e aliviar as estruturas. Repita 3 séries de 10 movimentos.

2. Mobilize sua coluna: 

É difícil encontrar alguém que nunca sofreu com as terríveis dores nas costas. Devido à correria do dia a dia, prestamos cada vez menos atenção na situação de nossa postura enquanto realizamos atividades corriqueiras. Por isso, o exercício de mobilidade pode ser um bom aliado no alívio desse desconforto, alinhando a coluna e preparando-a para o dia que está começando. Ele consiste em deitar de barriga para cima com os joelhos dobrados e movimenta-los para os lados todos os dias ao acordar e depois de ficar longos períodos na mesma posição.

3. Gire o pescoço e os ombros: 

Assim como as dores nas costas, o desconforto do pescoço e ombros é causado, na maioria das vezes, por conta da postura inadequada do paciente. Exercícios bastante eficientes para essas áreas consistem em girá-las, em sentido horário e anti-horário, relaxando o máximo possível a musculatura. O movimento giratório deve ser feito cerca de 10 vezes para cada direção.

4. Alivie a carga dos tornozelos: 

Os tornozelos estão constantemente suscetíveis a lesões e dores, já que seguram todo o peso corporal do paciente e estão em contato direto com o chão todos os dias. Para mobilizar a articulação não é necessário muito esforço. Basta dobrá-los o máximo possível, tanto para baixo quanto para cima, e segurar o movimento por 5 segundos. Repita o movimento cerca de 10 vezes para que a área seja devidamente preparada.

5. Tome conta de seus cotovelos: 

Esticar essa área é importantíssimo e pode ser feito com o auxílio de uma mesa. Basta posicionar a palma da mão sobre a superfície e empurrar o peso para baixo, de encontro a ela. Mantenha o movimento por cerca de 5 segundos e repita-o pelo menos 10 vezes todos os dias.

“Uma das razões para o sucesso dos tratamentos fisioterápicos é a frequência. Por isso, é importante realizar os exercícios todos os dias para observar resultados e alívio nas dores. Se mesmo assim, as dores não aliviarem ou até mesmo aumentarem, procure um profissional da saúde, um fisioterapeuta. ”, conclui a fisioterapeuta Raquel Silvério.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.