Uma menina de apenas 13 anos de uma comunidade marginalizada na Índia foi à delegacia denunciar que havia sido vítima de estupro coletivo. No entanto, o policial que ouviu a denúncia, ao invés de registrar o ocorrido, também estuprou a adolescente.

Segundo autoridades locais, o policial foi preso nesta quinta-feira (5). A tia da menina também foi detida por suspeita de estar envolvida no crime. Outros 29 funcionários da delegacia foram suspensos de suas atividades acusados de conivência. As informações são do G1.

O caso gerou revolta ao redor do país. Manifestações para chamar atenção para casos de estupro a adolescentes têm sido cada vez mais comuns na Índia.

Em janeiro, centenas de estudantes universitárias protestaram em Nova Deli depois que uma menina de 20 anos foi sequestrada, estuprada e espancada por uma suposta vingança de uma gangue local.

Foto: Divulgação Associated Press
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.