Modelo de Negócio, Propósito e Liderança é um importante alerta aos jovens e adultos empreendedores. Em tempos de crise muitas pessoas estão buscando seu real propósito, na tentativa de resignificar a vida e os valores que a nortearam até aqui.

Assim, vale ressaltar, que ao empreender um negócio, sua modelagem, requer uma alta dose de propósito pessoal, aliado a um planejamento detalhado, uma execução cuidadosa, a um conjunto adequado de estratégias de ação/execução; bem como contar com pessoas/entidades de confiança – um ecossistema – apoiador do negócio.

Uma jornada bem sucedida exige, além de muito esforço e dedicação pessoal, conhecer nossos clientes, o mercado a que buscamos e ter estratégias com bom foco.

Tudo que já foi realizado nesse mundo começou um dia, no coração/mente de um ser humano com um real propósito. A maioria das pessoas, porém, são movidas pela dúvida, pelo medo e pela insegurança.

Enfrentam enorme dificuldade para encontrar seu propósito de vida e iniciar a jornada trabalhosa em busca do êxito, dos resultados e do sucesso. Simon Sinek, que é autor do clássico livro: “Comece com Por quê?”. Utiliza um modelo simples, mas poderoso, de liderança inspiradora – explicando como grandes líderes inspiram ação!

Modelo de Negócio: Importantes Reflexões

a – Modelos de Inovação: Muito oportuno a abordagem do Professor Yvez Doz – Vice-Presidente da CISCO, que fala de “Fazendo as duas coisas” – que trata de “Inovação Sustentável” e “Inovação Colaborativa”. O especialista aponta que há “Metacapacidades” com objetivo de acelerar e renovar a transformação de modelos de negócios.

b – Propósito Pessoal Relevante: Artigo que trata de alguns pontos inadiáveis da reforma pessoal íntima, que todos precisamos fazer; a fim de que se possa enfrentar a forte aceleração de mudanças em curso no século XXI. Na era do conhecimento, a atração e retenção de talentos requer que muitas organizações redefinam e ajustem sua missão para expressar mais claramente seu sentido de propósito.

c – Modelos de Negócio: “Acelerando a Transformação”: Artigos que evidenciam uma época de aceleradas transformações organizacionais no Brasil e mundo. Por conta disto, achei muito oportunas as abordagens dos Professores Yvez Doz e Mohanbir Sawhney, publicados no portal da HSM. Com base em estudos sobre importantes empresas, que inovaram seus modelos de negócios conforme seu negócio central se tornava estável e rígido, os especialistas revelam que a agilidade estratégica seja resultante de três “metacapacidades”.

Sergio é engenheiro eletrônico PUC-RS/1979, especialista em Treinamento Profissional (UFRGS/1981), MBA em Gestão Estratégica de Empresas (UFSC-FEPESE/2001) e mestre em Engenharia de Produção / UFSC 2003 – Dissertação / Tema: “Estudo exploratório sobre as práticas gerenciais nas EBTs industriais de base tecnológica da região da Grande Florianópolis à luz da gestão do conhecimento”. Fpolis / Brasil, 108 fls. Atuação profissional de mais de 30 anos atuando em cargos técnicos, de coordenação e em cargos executivos (gestão) em empresas do porte de Cia. Souza Cruz, RBS/Rede Brasil Sul de Comunicação, NTS – Núcleo de Tecnologia de Software, Dígitro Tecnologia, Grupo Specto de Tecnologia, entre outras. Vivência prática com ferramentas e metodologias BSC e de GC (Gestão do Conhecimento), com artigos publicados e coordenação de projetos empresariais e do FINEP. Em 2013 atuei com consultor “Ad Hoc” para avaliação de Projetos da FAPESC. Atuação como professor universitário (SENAC 2005 / 08) e Faculdades Borges de Mendonça (2012). Exemplos de disciplinas ministradas: SENAC: Governança de TI, Sistemas de Informações e Avaliação de Projetos Integradores e BM: TI para Administração e Gestão da Informação & Conhecimento. Autor do Blog: www.escolatrabalhoevida.com.br
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.