Quando mudamos o foco para uma visão mais positiva da vida, pensamos que é uma abordagem otimista aos nossos problemas e às crises, mas na verdade pode ser uma visão realista.

Sabemos que há problemas, que há sofrimento, mas também pensamos nos aspectos positivos que podem fortalecer a nossa saúde. Essa visão positiva não quer dizer que o isolamento social é bom e desejável, que tem coisas boas nessa pandemia ? Mas sim sair do foco da prevenção e dos cuidados, para promoção da saúde fortalecendo o sistema imunológico, por exemplo.
Podemos fazer um pequeno exercício rápido.

O que causa mais ideias e pensamentos ansiosos, o pensamento de “preciso fazer todas essas coisas para não adoecer” ou “Posso fazer muitas coisas para me manter saudável”?

Assim, um pensamento voltado para a promoção da saúde geralmente causa menos ansiedade, estresse e desconforto, justamente por se tratar de coisas positivas e importantes em nossa vida. Há uma área da Psicologia – a Psicologia Positiva, dando este enfoque às suas abordagens.

Alguns Aspectos

1) Atitude Mental Positiva: Livro de Napoleon Hill com Prefácio de Og Mandino – foi um escritor do best-seller: “O Maior Vendedor do Mundo”.

Nascido na Itália e que viveu nos EUA. Foi um “guru” do setor de vendas. Presidiu a revista Success Unlimited até 1976, quando, aos 52 anos, “chocou o setor ao renunciar à presidência para dedicar-se em tempo integral a escrever e dar palestras” (do posfácio do livro The Choice, Bantam Books, 1984, um romance traduzido no Brasil como A Escolha Certa). Ex-alcoólatra que quase chegou ao suicídio, tornou-se milionário ao publicar: “O Maior Vendedor do Mundo”. Um dos autores mais inspiradores e bem sucedidos no segmento denominado auto-ajuda, principalmente com livros voltados para vendas.

Em seu prefácio, escreveu Mandino: “Há muitos anos, devido à minha própria estupidez e defeitos, perdi tudo o que era precioso para mim. Passei muito tempo em bibliotecas públicas porque tinham entrada franca ― e eram aquecidas. Li tudo, de Platão a Peale, buscando uma mensagem que pudesse explicar onde eu tinha errado ― e o que eu poderia fazer para salvar o resto da minha vida. Finalmente encontrei minha resposta em Atitude Mental Positiva, de Napoleon Hill e W. Clement Stone. De um vagabundo sem dinheiro e sem uma única raiz, acabei me tornando o presidente de duas corporações e editor-executivo da Success Unlimited, a melhor revista do mundo na sua categoria. Também escrevi seis livros, e um deles: O maior vendedor do mundo, foi traduzido em 14 idiomas e com + de três milhões de cópias vendidas. Nada disso teria sido alcançado sem a aplicação diária dos princípios de sucesso e de vida que encontrei neste clássico.”

2) Emoções e Pensamentos Impactam a Vida: É artigo escrito com objetivo de contribuir com os milhões de pessoas que estão com estas duas questões fundamentais à vida, desalinhadas e, portanto, doentes física e/ou emocionalmente.

E vale lembrar que a conjuntura político-econômica do Brasil dos últimos 35 anos contribuiu MUITO para que isto acontecesse. Há várias décadas, tem crescido o interesse pela relação entre as emoções, os pensamentos e o corpo físico. A comunidade científica já aceitou a inegável influência que esses fatores “invisíveis” têm sobre nosso corpo. A relação entre as emoções e o nosso corpo é bem conhecida pela sabedoria popular. Algo que todos sentimos graças à experiência e aos instintos. É comum sentir dor no estômago antes de provas, entrevista de emprego e/ou outra situação de avaliação.

3) Visualizando Sonhos e Metas: Post que ressalta a importância de visualizações positivas, através de pensamentos também positivos, para a educação de nossas crianças, jovens e adultos.

Para a nossa própria vida e saúde presente e futura. Uma mente positiva tende a atrair ideias e sonhos positivos e, aqui, tomamos emprestada uma das muitas belas frases de Shakespeare “Nós somos feitos do tecido de que são feitos os sonhos.”
O Dr. Deepak Chopra explica que Shakespeare não estava sendo metafórico com sua afirmação acima. Pois segundo ele “Você quer saber como está seu corpo hoje? Lembre-se do que pensou ontem. Quer saber como estará seu corpo amanhã? Olhe seus pensamentos hoje!”

4) Como o isolamento social e o Coronavírus impactam na nossa saúde mental?

Estamos em uma época de pandemia, e isso quer dizer que temos que lidar com mudanças no nosso dia a dia, certos cuidados de saúde a mais que temos que ter, mudança drástica da rotina, alteração de trabalho, dificuldades financeiras, distanciamento social entre diversas outras dificuldades que estamos enfrentando e, obviamente, lidar com todos esses obstáculos e preocupações acaba cobrando algo de nós. O nosso psicológico é cobrado e testado, todos os dias, de formas diferentes para cada pessoa, mas ninguém está saindo ileso dessa crise.

Diariamente temos que lidar com uma enxurrada de informações, com novos problemas, com situações difíceis q precisamos lidar, e com cada vez menos recursos para lidar com os problemas. Esta situação que todos nós estamos vivendo, causa muito estresse e até mesmo ansiedade, porque ficamos com essa insistente ideia em nossas mentes: “E agora, o que eu faço?”, e por mais que consigamos lidar com o problema, toda essa tensão não passa, porque ainda estamos nessa situação difícil. Ao pensar nisso, fica claro que nossa saúde mental vai ser exposta a todo tipo de estímulo e agressão, por conta dessa situação que todos vivemos. E fica a pergunta: “O que podemos fazer?”

Sergio é engenheiro eletrônico PUC-RS/1979, especialista em Treinamento Profissional (UFRGS/1981), MBA em Gestão Estratégica de Empresas (UFSC-FEPESE/2001) e mestre em Engenharia de Produção / UFSC 2003 – Dissertação / Tema: “Estudo exploratório sobre as práticas gerenciais nas EBTs industriais de base tecnológica da região da Grande Florianópolis à luz da gestão do conhecimento”. Fpolis / Brasil, 108 fls. Atuação profissional de mais de 30 anos atuando em cargos técnicos, de coordenação e em cargos executivos (gestão) em empresas do porte de Cia. Souza Cruz, RBS/Rede Brasil Sul de Comunicação, NTS – Núcleo de Tecnologia de Software, Dígitro Tecnologia, Grupo Specto de Tecnologia, entre outras. Vivência prática com ferramentas e metodologias BSC e de GC (Gestão do Conhecimento), com artigos publicados e coordenação de projetos empresariais e do FINEP. Em 2013 atuei com consultor “Ad Hoc” para avaliação de Projetos da FAPESC. Atuação como professor universitário (SENAC 2005 / 08) e Faculdades Borges de Mendonça (2012). Exemplos de disciplinas ministradas: SENAC: Governança de TI, Sistemas de Informações e Avaliação de Projetos Integradores e BM: TI para Administração e Gestão da Informação & Conhecimento. Autor do Blog: www.escolatrabalhoevida.com.br
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.