Foi por meio das redes sociais que o canal GNT confirmou que exibirá a entrevista do príncipe Harry e sua esposa Meghan Markle à apresentadora Oprah Winfrey, na próxima quinta-feira (11), às 22h30.

O canal também informou que oferecerá horários alternativos para a exibição da entrevista: domingo (14) às 20h; terça (16) às 00h; domingo (21) às 02h30; terça (23) às 00h e sexta (26) às 04h.

A entrevista que foi veiculada ontem (7) pela rede americana CBS, revelou segredos polêmicos da família real britânica, entre casos de racismo e depressão durante a estadia do casal no palácio de Buckingham, entre outros motivos que os fizeram abandonar a vida real há cerca de um ano.

Durante mais de duas horas, o duque e a duquesa contaram em detalhes sobre a relação com os outros membros da realeza durante a corte e como eram tratados dentro dos limites do palácio.

Em determinado momento da entrevista, Meghan Markle disse que enquanto estava grávida do seu primeiro filho, integrantes do Palácio de Buckingham afirmaram que mesmo ela sendo duquesa, o herdeiro não teria título de príncipe ou princesa e nem contaria com a segurança especial.

Além disso, Meghan contou que havia uma grande preocupação quanto a cor do primogênito. “Havia preocupações e conversas sobre quão escura poderia ser sua pele quando nascesse“.

O casal também afirmou que a atriz foi contagiada por um sentimento de tristeza durante seus primeiros anos em Londres enquanto ainda era duquesa e preocupada com sua saúde mental, pediu ajuda diversas vezes. Mas o Palácio informou que se fizesse, poderia projetar uma imagem negativa perante os demais e que não seria bom para a instituição. “Tive pensamentos suicidas constantes e claros“, disse.

Harry continuou: “a família tem uma mentalidade de ‘é assim mesmo, não dá para mudar’. Não tinha em quem me apoiar. […] “Tinha medo de que se repetisse a história da minha mãe”, afirmou o príncipe.

A entrevista do casal com uma das maiores apresentadoras de programa dos Estados Unidos, é a maior revelação da realeza desde a princesa Diana, mãe de Harry, em 1995.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *